ESTABELEÇA METAS CLARAS

VOCÊ SABE ONDE QUER CHEGAR? A Importância de se Estabelecer Metas!

As pessoas são motivadas por duas coisas: receber um benefício e evitar uma perda. Algumas metas têm elementos de ambas. Por exemplo, você pode querer um cargo elevado na empresa para obter prestígio, ganhar mais dinheiro e oferecer conforto à sua família e, ao mesmo tempo, também evitar a dor de não ter recursos suficientes para sustentar seus entes queridos.

O que motiva os seres humanos: ganhar alguma coisa e evitar a dor.

QUANTIFIQUE SUAS METAS

A meta é qualquer coisa que o motiva ou que você gostaria de atingir, com base em seu sistema pessoal de valores. Para alguns, pode ser poder ou dinheiro; para outros, talvez seja descobrir a cura do câncer ou ajudar aqueles que passam fome, É qualquer coisa que o motive.

Para que seja motivadora, a meta precisa ser declarada em termos claros e mensuráveis, com datas, períodos, quantias, formatos, cores, dimensões ou resultados específicos. Por exemplo, caso seja “ficar rico um dia”, sua meta não terá poder motivador, porque não é uma meta clara que sirva de alvos; é genérica e vaga, e seu SAR não consegue trabalhar com ela. No entanto, se você afirmar que “Ao meio-dia de 15 de agosto, daqui a cinco anos, terei 1 milhão de reais em patrimônio líquido e estarei totalmente sem dívidas”, você se sentirá motivado a agir de imediato, porque tem quantias, períodos e prazos específicos e seu SAR entrará em “modo de busca”.

Por exemplo, se sua meta for “ter uma boa casa”, é um conceito vago. Um bilionário pode considerar que tem uma “boa casa”. No entanto, se sua meta for” possuir daqui a três anos uma casa com quatro quartos, jardim e piscina, de frente para a praia”, seu cérebro será ativado a começar imediatamente a busca de como conseguir isso. Se descrever com clareza a planta baixa, os jardins, a mobília, as maçanetas, o material de construção, as bancadas e os pisos, seu cérebro passará a imaginar como seria morar lá. Quando uma casa que atenda a essas especificações estiver à venda, seu cérebro chamará sua atenção. Então você a visitará, sentirá seu clima, absorverá os cheiros e sensações e juntará informações sobre ela. Quanto mais mensurável e quantificável for a meta, mais motivado o cérebro ficará para atingi-la.

Sua meta deve estar fora do alcance, mas não além da vista.

Se não estiver satisfeito com seu progresso, é porque suas metas não foram definidas com clareza suficiente para que seu cérebro saiba onde procurar. Quando as metas se consolidam nos mínimos detalhes e você sabe onde está agora e aonde quer ir, seu sistema ativador reticular entra em ação e a motivação surge.

AFIRME SUAS METAS POSITIVAMENTE

É comum definir metas em termos negativos. No entanto, o cérebro só consegue ver imagens positivas; ele não pode visualizar o que não existe. Por isso, é raro atingir metas compostas negativamente. Por exemplo, o fumante que decide largar o cigarro poderia declarar sua meta assim ” Vou parar de fumar HOJE.” Mas o cérebro do fumante já tem fortes imagens positivas suas fumando cigarros. Dizer que você não vai fazer alguma coisa é pedir ao cérebro que imagine o que não pode visualizar e aí nada acontece. Se você escreve-se ” Hoje, serei um não fumante”, seu cérebro consegue formar uma imagem do que é um não fumante. Ele pode visualizar você com unhas limpas, bom hálito e aparência saudável. Chamará sua atenção para anúncios de pasta de dentes, pessoas praticando exercícios e imagens de você se tornando confiante e popular.

As metas descritas de modo positivo criam na mente imagens motivadoras, mas as descritas negativamente não formam nenhuma imagem.

É por isso que, se você pesa 100 quilos e quer perder 10, afirmar “Perderei 10 quilos” não vai dar certo. Sua mente já tem uma imagem clara de você com 100 quilos, e essa imagem exige que você coma o suficiente para manter esse peso. No entanto, afirmar ” Em 25 de julho pesarei 90 quilos” faz sua mente se programar para você ficar com esse peso, e isso instrui o cérebro a se adequar a essa visualização. O cérebro passará essa mensagem dos 90 quilos para o inconsciente, que o impelirá rumo à meta. Afirmar suas metas de modo que a mente veja imagens positivas; não tente forçá-las a imaginar o que não pode ser visto.

” Se quer uma vida feliz amarra-a a uma meta, não a uma pessoa nem a coisas”

Albert Einstein

TORNE SUAS METAS TANGÍVEIS

você já fez um test drive num carro zero e logo depois dirigiu um carro velho? Você se sente insatisfeito e fica ainda mais motivado para ter um carro novo. Quanto mais perto, física e emocionalmente, você chegará das imagens ligadas ás metas, mais depressa as atingirá ás metas, mais depressa as atingirá. Por exemplo, se quiser um conversível vermelho de quatro lugares, busque imagens, críticas, dados de venda e folhetos sobre esse carro. Mas se fizer um test drive pelo litoral (onde ficará sua casa na praia), a experiência acentuará todos os sentimentos e as emoções associados a essa meta. Se quiser contribuir para a sociedade, você pode se inspirar lendo reportagens sobre pessoas que se dedicam à caridade. Mas se trabalhar uma noite como voluntário ou passar o dia ajudando os menos favorecidos, você sentirá uma necessidades louca de fazer mais caso essa seja realmente a meta certa para você. Se quiser que seus filhos estudem nas melhores escolas, marque visitas e conheça-as pessoalmente; não basta ler sobre elas. Não pense em como pagará as mensalidades; deixe que o cérebro descubra. A maioria das pessoas encontra seus parceiros na vida por acaso. Encontrar o parceiro certo é um dos fatos mias importantes na vida; então por que não procurar exatamente o que você quer numa pessoas ? Se você imaginar que sua companheira perfeita é uma mulher inteligente, de pensamentos positivos e olhos castanhos (como foi meu caso), saia apenas com quem se encaixar nesses critérios. A maioria não faz isso; simplesmente escolhe entre aqueles que aparecem em sua vida ou nos sites de encontros.

Só escreva metas que você realmente deseja realizar. Não escolha algo só porque não consegue pensar em nada melhor.

COMO SEU CÉREBRO LIDA COM AS METAS

Se não consegue imaginar a meta, então você não tem o necessário para atingi-la agora. Seu cérebro só visualizará as coisas que você for física ou mentalmente capaz de conseguir. O mundo dos esportes entende esse conceito há décadas. Se você treinar mentalmente levantamento de pesos, seu corpo reagirá a essas imagens e se tornará capaz de obter mais de 80% do resultado que você conseguiria se realmente levantasse os pesos! Por exemplo, se você consegue se imaginar como um empresário de sucesso, isso significa que tem dentro de si os fundamentos necessários para isso; senão não conseguiria nem visualizar. Portanto, se consegue escrever uma meta em sua lista, você tem dentro de si o necessário para atingi-la, por mais ousada que pareça a princípio. Isso traz oportunidades empolgantes: se você for capaz de pensar em algo, seu corpo poderá consegui-lo!

Se consegue imaginar, você tem como fazer.

Napoleon Hill

Se você pode se imaginar como um multimilionário, é porque tem como atingir esse status. Se consegue se ver saltando de paraquedas numa ZL – zona de lançamento, seu corpo pode saltar. Se é capaz de se imaginar falando com confiança a um público de 20 mil pessoas, então tem dentro de si o suficiente para fazer isso. Se consegue imaginar saudável e sem doenças, seu corpo trabalhará nessa direção. A vida não tem como garantir que obtermos todos esses resultados, mas ser capaz de visualizar a situação nos põe nos trilhos que podem levar á sua realização. O primeiro passo e o mais importante é se imaginar conseguindo o resultado, e não pensar em como conseguir. Logo discutiremos o como. E é isso que grande parte das pessoas não faz; a maioria tenta imaginar como fazer alguma coisa e então, frustrada, desiste da ideia.

“Na ausência de metas definidas com clareza, ficamos estranhamente leais às trivialidades cotidianas até sermos escravizados por elas”

Robert Heinlein

SEU CÉREBRO EM AÇÃO

Depois que você estabelecer uma meta pela qual seja apaixonado, seu cérebro se concentrará nela. De repente, você vai se conscientizar de coisas nas quais talvez não prestasse atenção nenhuma no passado, mas que, agora, são úteis ou importantes. Por exemplo, será mais fácil atingir sua meta se você conhecer as pessoas certas. Numa festa ou num evento profissional, você ouve mencionarem o nome de alguém cujos contatos o ajudariam a avançar. No passado. o cérebro ignoraria o nome por não ter nenhuma utilidade; mas, agora, por ser relevante para a meta que você quer atingir, de repente ele ganha importância. Assim, você faz questão de se apresentar a essa pessoa e estabelecer contato. Seu cérebro filtrou aquela informação numa fração de segundo por ter sido ativado quando você decidiu o que era importante.Embora o evento fosse barulhento, como música alta, seu cérebro conseguiu filtrar aquela informação específica.

A VIDA COMEÇA QUANDO TERMINA SUA ZONA DE CONFORTO

Se você promove uma meta da lista A para lista D ou B para a E, mas de repente percebe que essa meta parece não ter mais mesma importância que você achava que tinha, é possível rebaixá-la, alterá-la ou removê-la da lista e procurar outra coisa. Quando há uma lista de metas, modificar ou eliminar um item não é um problema. Quem tem apenas uma meta costuma persistir nela, mesmo quando ela deixa de ter importância ou relevância, e pode até acabar não atingindo.

REVIRAVOLTAS, MUDANÇAS E ARMADILHAS PELO CAMINHO…

A maioria das pessoas acha que atingir uma meta é um processo direto, talvez com alguns pequenos obstáculos ao longo do percurso. Na verdade, o caminho tem reviravoltas, mudanças e armadilhas, encontros inesperados e portas que se abrem e se fecham à nossa frente. Às vezes, perseguimos uma meta que achamos que realmente queremos e, no decorrer da jornada, descobrimos que não a desejávamos tanto assim. Mas, com frequência, só sabemos como nos sentimos a respeito de algo quando damos o primeiro passo. Outras vezes, podemos vivenciar coisa que, na época em que escrevemos a meta, pareciam menores, mas que podem evoluir para grandes experiências de vida. Tenha pelo menos 10 metas possíveis em sua lista. Muitas pessoas se concentram em um único desejo. Se ele não dá certo, eles desanimam.

RESUMO

1 – Defina metas com clarezas, escreva-as à mão e não pare de aumentar a lista.

2 – As metas nos dão uma vida mais longa, saudável e feliz e nos permitem atingir nosso verdadeiro potencial.

3 – Cuide para que suas metas sejam coisas que você realmente quer e não o que os outros esperam de você.

4 – Escreva e rescreva sua lista. Os itens mudaram?

5 – Comece a escrever uma lista de metas.

E COMECE AGORA.

” É melhor olhar para trás e dizer ‘Não acredito que fiz isso’ do que dizer ‘Gostaria de ter feito aquilo’.”

Lucille Ball

SUPERE O MEDO E A PREOCUPAÇÃO

Anxiety clipart 1 » Clipart Station

Certo dia, o burro do fazendeiro no poço. O animal ficou berrando enquanto o fazendeiro tentava imaginar o que fazer. Por fim, ele decidiu que o animal já estava velho e que era preciso cobrir o poço de qualquer modo, não valia a pena tentar recuperar o burro. Ele chamou todos os vizinhos para ajudá-lo. Cada um pegou uma pá e começou a jogar terra no poço. A princípio, o burro percebeu o que estava acontecendo e gritou de medo. Então de repente se calou. Algumas pás depois, o fazendeiro olhou dentro do poço. Ficou espantado com o que viu. Cada vez que a terra atingia suas costas, o burro a sacudia e subia em cima dela. Enquanto os vizinhos do fazendeiro continuavam a jogar terra no animal, ele o sacudia e subia em cima do monte cade vez maior. Logo, todos se surpreenderam ao ver o burro sair pela borda do poço e ir embora trotando.

Moral da historia: A vida vai lhe jogar todo o tipo de terra, quer você goste ou não. O Truque para sair do buraco é sacudir a terra e subir em cima do monte. Na verdade, cada um de seus problemas é uma pedra que o ajuda a subir. Podemos sair do poços mais profundos sem nunca parar de LUTAR ou DESISTIR! Sacuda a terra e suba em cima.

No dia seguinte, o burro voltou e deu coices em todos que tentaram enterrá-lo. Lmebre-se sempre: se acha que tirar o seu da reta é o jeito mais fácil de safar, saiba que ele ficará na reta do coice que virá do outro lado.

Os dois maiores obstáculos para obter sucesso, felicidade, realização e paz interior são o MEDO e a PREOCUPAÇÃO.

Eles estão ligados á reação de “fuga ou luta”, que vem de nosso passado remoto e evoluiu para reduzir probabilidade de morte. Essas emoções assumem várias formas que prejudicam muitos órgãos do corpo. Já se demonstrou que a raiva enfraquece o figado, a preocupação enfraquece o estômago, o estresse afeta o coração, o luto adoece o pulmão e o medo debilita os rins.

O medo não passa da reação física a pensar em consequências que não queremos. Isso cria uma corrente no cérebro que se transfere para o corpo. É importante saber que todas as formas de medo estão ligadas ai estresse e esgotam o sistema imunológico. Por isso, quem vive com medo adoece constantemente e sofre de uma série de patologias incapacitantes. O Segredo do sucesso na vida é aprender a desenvolver uma mentalidade vencedora e a controlar a preocupação e o medo em vez de deixar que eles o controlem.

Preocupar-se é como rezar pelo que você não quer.

A CIÊNCIA POR TRÁS DO MEDO

As emoções de medo e preocupação vêm do sistema nervoso central. São lembranças armazenadas em regiões específicas do cérebro que podem ser desencadeadas por quaisquer estímulo do cotidiano. Costumamos pensar que as lembranças são nossas experiências ou impressões, fatos ou detalhes que podemos recordar á vontade. Mas os neurocientistas descobriram que temos vários tipos de memória, e cada um deles traça uma via neural separada no cérebro.

” A vida é como uma montanha russa. Você pode gritar a cada descida ou levantar os braços e aproveitar o passeio.”

POR QUE O MEDO É IMPORTANTE PARA NÓS

Em termos evolutivos, os animais ” destemidos” teriam menos probabilidade de sobreviver, poque não se afastariam de situações perigosas. Também é por isso que, nos seres humanos, o medo é uma reação importante. No entanto, para os seres humanos do século XXI esses medos podem se apresentar como timidez, falta de autoconfiança, transtornos de ansiedade, medo do fracasso e medo de avançar.

Apesar da função primária do medo, nos ajudar a sair de situações perigosas, fisicamente ameaçadoras, muitos passatempo populares são alimentados pela atração que sentimos por ele. Por exemplo, assistir a filmes de terro, pular de bungee-jump, visitar casas mal-assombradas, praticar esporte radicais e andar em montanhas-russas. Temerários em busca de emoção se divertem com essas atividades que provocam o medo porque nessas pessoas o nível do neurotransmissor. Elas têm sentimentos de prazer ou euforia, semelhantes aos dos viciados em drogas.

Nosso cérebro é incapaz de distinguir a experiências verdadeiramente assustadoras daquelas projetadas para assustar.

O MEDO PODE SER POSITIVO OU NEGATIVO

Um pouco de medo é bom para nossa segurança, mas, em transtornos de ansiedade, como a síndrome do pânico, o transtorno de estresse pós-traumático, o transtorno de ansiedade social e o transtorno obsessivo-compulsivo – o medo pode incapacitar. Os transtornos de ansiedade reproduzem a atividade de fuga nas partes do cérebro que controlam o medo. Esses transtornos podem provocar sintomas físicos e emocionais incômodos ou incapacitantes e afetam pessoas de todas as idades. Por exemplo,

Problemas de saúde mental têm se tornado cada vez mais comuns em todo o mundo. A ansiedade, por exemplo, atinge mais de 260 milhões de pessoas. Aliás, o Brasil é o país com o maior número de pessoas a…
Leia mais em: https://veja.abril.com.br/saude/pesquisa-indica-que-86-dos-brasileiros-tem-algum-transtorno-mental/ . Cerca de 9,3% da população Brasileira sofre de algum tipo de transtorno de ansiedade.

” A caverna em que você mais eme entrar contém o maior tesouro.”

Briam Tracy

O medo mais comum é o social: o medo de situações em que os outros provavelmente vão julgá-lo. Por exemplo, o medo de falar em público afeta gravemente cerca de 50% das pessoas. A maioria fica nervosa antes de falar a um grupo; milhões de pessoas se sentem intimidadas só por entrar numa sala cheia de desconhecidos. Confesso para vocês esse era meu maior medo e com tempo fui me aperfeiçoando pegando algumas técnicas de conversação em público e me livrei desse medo.

Embora esteja longe de parecer ser caçador por um leão faminto, subir numa tribuna provoca as mesmas reações no organismo. Como os grupos nos ajudam a continuar vivos, os cientistas acreditam que nossos medos sociais sejam ligados à preocupação com a sobrevivência, porque tememos situações que possam levar à nossa exclusão do grupo.

O LADO POSITIVO DO MEDO

O medo e a ansiedade crônicos desgastam nossos recursos, tornando ineficientes os mecanismos de autocura e preservação. Quanto mais sentimos essas emoções, pior fica a saúde geral. A solução é: quando perceber que está pensando em resultados que você não deseja, escolha mudar o quadro e só pensar nos resultados que quer. É simples assim.

MEDO DE REJEIÇÃO

Quando receber uma rejeição, eis um modo simples de lidar com ela:

  1. Não leve para o lado pessoal

Compreenda que você está programado para sentir dor emocional e é difícil evitar que se sinta mal.

2. Dê a si mesmo permissão para sofrer

Quando for rejeitado, permita-se vivenciar os sentimentos.

3. Estabeleça um prazo

Tome a decisão consciente de parar de pensar na rejeição num momento específico. Por exemplo, decida que, ás oito horas da noite de hoje ou ao meio-dia de amanhã, você vai parar de pensar nisso. Depois desse horário, você escolherá só pensar no que quer que aconteça ou no que pode fazer. Em outros palavras, siga em frente. Se não estabelecer um prazo, você pode afundar na depressão e acabar tomando remédios – ou coisa pior. Quando tiver que rejeitar alguém, eis um modo indolor mais eficaz de fazer isso:

  1. Agradeça
  2. Explique por que vai rejeitar a pessoa
  3. Elogie os pontos positivos da pessoas

TRÊS FORMAS SIMPLES DE LIDAR COM O MEDO

  1. Tire um folga

Quando estiver se sentindo ameaçado ou intimidado, a primeira coisa a fazer é se afastar um pouco para se acalmar fisicamente.

2. Seja realista

Muita gente afirma para si mesmo que vai fracassar em alguma coisa porque fracassou em outra no passado. Mas em geral o medo é pior do que realidade.

3. Volte ao básico

Muito gente usa drogas ou álcool para tratar a ansiedade na esperança de se sentir melhor, mas essas coisas só pioram o medo. Um boa noite de sono, um refeição agradável e uma caminhada, praticar exercícios físicos costumam ser o melhor remédio para a tensão ou ansiedade.

Boas alternativas:

  • Como bem: você se sentirá ótimo, física e mentalmente.
  • leia, veja ou escute algo inspirador
  • Tenha um mentor
  • Assista às apresentações motivacionais.

Resumindo

O medo é um elemento importante do cérebro humano. sentir medo ou preocupação pela vida é um comportamento normal. em qualquer espécie, os animais destemidos não costumam viver muito, e as espécies destemidas se extinguem. É comum que o medo e a preocupação resultem de sentimentos.

Coragem é dominar o medo, não evitá-lo. Coragem é sentir medo e agir mesmo assim.

” Quem es´ta deprimido vive no passado. Quem está ansioso vive no futuro. Quem está em paz vive no presente”

lao-Tsé
  • O Medo oferece dois caminhos: .-
  • Esqueça tudo e fuja
  • Enfrente tudo e cresça.
  • A escolha é nossa.

O MEDO NÃO IMPEDE A MORTE. ELE IMPEDE A VIDA.

TALENTO PARA LIDERAR

LIDERANÇA: 12 DICAS RÁPIDAS

” Um líder é bom quando as pessoas dificilmente notam-lhe a existência, não tão bom quando as pessoas lhe obedecem e o aclamam; e ainda pior quando elas desprezam. (Lao Tzu, 630 a.C)

1 – BOA LIDERANÇA

  • A boa liderança importa. Boa = eficaz e ética. Um bom estudo é importante para o sucesso, mas bons líderes podem ajudar a moldar a própria sorte.

2 – TORNAR LÍDER

  • Quase todos podem se tornar líderes. A liderança pode ser aprendido. Depende tanto da educação quanto da natureza. A liderança pode existir em qualquer nível, com ou sem autoridade formal A maioria das pessoas é tanto líder quanto seguidor. Elas “lideram do meio” e não do topo.

3 – ALCANÇAR OBJETIVOS

  • Líderes ajudam a criar e alcançar objetivos de grupo. Portanto, a eficácia exige tanto visão quando habilidades interpessoais/organizacionais.

4 – INTELIGÊNCIA E HABILIDADES

  • Líderes inteligentes precisam das habilidades dos poderes brando e duro: estilo cooperador e de comando. Os objetivos e estilos transformacionais e transacionais podem ser úteis. Um não é automaticamente melhor que o outro.

5 – CARISMA

  • Líderes dependem e são parcialmente moldados pelos seguidores. Certo grau de poder brando é necessário. Presença/magnetismo é inerente a algumas personalidades e nem tanto a outra, mas o carisma é conferido pelos seguidores.

6 – INTELIGÊNCIA CONTEXTUAL

  • O estilo apropriado depende do contexto. Existem “situações autocráticas” e “situações democráticas“, situações de crise e normais, e crises rotineiras e novas. O bom diagnóstico da necessidade de mudança (ou não) é essencial para a inteligência contextual.

7 – ACONSELHADOR

  • Um estilo aconselhador é mais dispendioso em termos de tempos, mas proporciona mais informação, cria mais confiança e dá poder aos seguidores.

8 – GERENCIAR

  • Gerentes não são necessariamente líderes, mas estes, quando eficazes, em geral precisam de habilidades gerenciais e organizacionais. Eles criam e mantêm sistemas e instituições. Os líderes não são meramente tomadores de decisão; eles ajudam um grupo a decidir como decidir.

9 – EXPERIÊNCIA

  • A liderança para situações de crise exige preparo avançado, maturidade emocional e habilidade de distinguir a função do trabalho operacional, do analítico de do político. A mistura adequada dos estilos e das habilidades varia com o estágio crítico. A experiência cria conhecimento tácito, mas a análise também conta. Um gato que se senta no telhado quente não sentará lá de novo, mas ele também não se sentará mais em um telhado frio.

10 – TRANSFORMAÇÃO

  • A revolução e a democratização da informação estão causando uma mudança secular de longo prazo no contexto das organizações pós-modernas um transformação contínua do estilo de comando para o de cooperação. As organizações baseadas em redes de comunicação requerem um estilo mais consultivo. Embora seja um estilo algumas vezes estereotipado como feminino, tanto homens quanto mulheres enfrentam essa mudança e precisam se adaptar a ela. Seguidores com poder torna, os líderes mais poderosos.

11 – INTELIGÊNCIA EMOCIONAL E O CONHECIMENTO

  • Teste de realidade, busca de informação constante e ajuste a mudanças são essenciais para boas consequências, mas a inteligência emocional e o conhecimento prático são mais importantes que o QI no julgamento do contexto.

12 – PRINCÍPIOS E VALORES

  • Líderes éticos usam a consciência, valores morais e padrões profissionais, mas valores conflitantes podem criar “mãos sujas“. Julgamentos éticos tridimensionais exigem atenção em objetivos, meios e consequências para aqueles dentro e fora do grupo. Criar identidades na liderança dentro do grupo é difícil, porém crucial.

Espero que tenha gostado do conteúdo. Todos nós temos espírito de líder, basta colocar em prática. Críticas e sugestão serão super bem-vindas!

Forte Abraço.! 

Só há duas opções: AVANÇAR OU INVENTAR DESCULPAS.

Você tem duas opções. Pense bem antes de escolher qual caminho seguir!

QUANDO VOCÊ ESCOLHER MAL

Escolher mal não significa que você seja burro. As consequências da má escolha são o jeito que a vida tem para lhe dizer que você precisava aprender uma lição. Se fizer a mesma escolha errada uma segunda vez, a vida lhe mostrará de novo que você ainda não aprendeu a lição. Se continuar a cometer o mesmo erro. É provável que seu problema seja a autossabotagem e que você precise de orientação profissional. Nada vai mudar, a menos que você aprenda o que precisa saber.

“Quando repetido continuamente, o erro não é mais um erro, é uma escolha.

POR QUE VOCÊ OBTEVE O QUE OBTEVE

Muita gente acredita que é possível repetir o mesmo comportamento e ainda assim obter resultados diferentes. Sua vida só está dessa forma agora porque você continua pensando e se comportando do mesmo modo. Se quiser resultados diferentes – resultados que mudarão e melhorarão drasticamente sua vida e o levarão até seus sonhos -, é preciso começar a pensar e agir de um modo diferente. Se continuar a pensar e agir como sempre, continuará obtendo os mesmo resultados.

É por isso que sua vida está como está agora. Você repete os mesmos processos de pensamento e de escolha. O resultado que você obteve na vida até agora é consequência de suas escolhas, de seus pensamentos e de seus comportamentos.

A partir de hoje, para de se enganar achando que é vítima das circunstâncias. Pare de dizer aos outros que nada é culpa sua. Tudo é culpa sua. Tudo é fruto do seu pensamento, e a responsabilidade de mudar ou não é sua. Seus resultado lhe diz a verdade sobre suas escolhas. Seu Sistema Ativador precisa ser reprogramado.

PARE DE RECLAMAR

Por definição, quando você reclama, está dizendo que quer algo melhor do que tem. quem nunca? – uma casa melhor, um parceiro, um carro, saúde, emprego, o que for. Mas reclamar também informa ao ouvinte que você não está disposto a tomar as providências e correr os riscos necessários para obter esse resultado. Reclamar é fazer a mesma queixa várias vezes sem absolutamente nenhuma intenção de agir de forma afirmativa.

Mesmo quando acham que sua reclamação é legítima – como reclamar sobre a quantidade de trabalho que lhe dão, o mau tratamento por parte do cônjuge, o péssimo atendimento ao consumidor que recebeu -, o mais comum é reclamar com a pessoa errada. A maioria reclama com os amigos que o marido/esposa/sócio os trata mal; reclama com o cônjuge que o chefe é exigente demais; reclama com o vizinho que o supermercado local tem um péssimo atendimento. Essas reclamações são inúteis porque a pessoa que a ouve não pode fazer nada resolver e possivelmente nem se importa.

” Não reclame. Como diz a piada, 80% das pessoas não ligam para os problemas que você tem.. e o resto está feliz por você tê-los”

Quando reclama da vida, você se concentra no que não quer, e assim seu SAR – Sistema Ativador Reticular busca mais circunstância parecidas com aquelas que o levaram até onde está agora. Reclamar reforças as vias neurais negativas do cérebro, e o SAR cria repetições das coisas negativas que você já vivenciou.

” Se quiser que as coisas de sua vida mudem, mude as coisas de sua vida.

ESCOLHAS SUAS CIRCUNSTÂNCIAS

Eu posso escolher minhas circunstâncias; se não o fizesse, as circunstância que eu não queria me escolheriam. Embora para alguns pareça inquietante, essa ideia é libertadora, porque significa que podemos ir aonde quisermos em vez de sermos carregados pela torrente das circunstância dos outros ou pela opinião que eles têm de nós.

Como mencionamos várias vezes, você é responsável pelo momento da vida em que está agora. Suas ações e seus pensamentos passados o trouxeram até aqui. Quando enfrentou eventos que não podia controlar, suas reações contribuíram para suas circunstâncias atuais.

Esse foi mais um conteúdo, espero que tenha gostado. Curta e compartilha! que possa alcançar milhares de pessoas. lembrando: Só há duas opções !

Um forte abraço, fique com Deus!!

DIGA A SEU CORPO O QUE FAZER

CÉREBRO X CORPO

O hemisfério esquerdo do cérebro controla o lado direito do corpo?

A capacidade do cérebro de instruir o corpo a atingir resultados extraordinários é bem pesquisada e documentada. A história que você está prestes a ler mostra o poder do SAR – (SISTEMA ATIVADOR RETICULAR) e destaca as lições deste livro. Esses fatos aconteceram comigo e produziram um resultado diferente de tudo o que já tinha acontecido.

ASSUMA O CONTROLE DA SUA VIDA AGORA

A boa notícia é que assumir a responsabilidade total e imediata por sua situação põe você no volante da própria vida. Você é quem controla aonde pode ir. Isso significa que você começará a isar seu SAR para obter para si um resultado melhor. Embora não seja possível controlar algumas coisas, você tem o total controle de seus pensamentos, de suas reações e escolhas que criam seu próximo conjunto de circunstâncias. É você que controla tudo – e sempre controlou, percebendo ou não.

” A única coisa que controlamos são nossos pensamentos e nossas atitudes. Quando tomamos uma má decisão, o importante é como lidamos com isso, e assim trazemos a situação de volta ao nosso controle”

SUAS ESCOLHAS

Tudo o que você tem na vida tem origem nas escolhas que faz. As escolhas do passado são as razões da situação em que se encontra agora, seja ela positiva ou negativa. E agora é você, só você, o responsável por todas as decisões que tomar e todas as direções em que decidir avançar. Pensar de outro modo é se recusar a assumir a responsabilidade por sua vida . Toda pessoa nascida hoje tem a oportunidade de assumir o comando da própria vida e ser responsável por todos os resultados. Mas você pode perguntar : e as pessoas que nascem por todos os resultados. Mas você pode perguntar: e as pessoas que nascem na pobreza, em países onde há casamentos forçados, onde as leis não funcionam ou onde você pode morrer por ter opinião própria ?

EVENTOS QUE VOCÊ NÃO PODE CONTROLAR

A vida é cheia de eventos sobre os quais temos pouco ou nenhum controle. Por exemplo, um tsunami ou um incêndio florestal podem destruir sua casa, um motorista bêbado pode envolver você num acidente, você pode contrair uma doença potencialmente letal. Mas o necessário é ter 100% do controle sobre seus pensamentos, ações e reações. Esses pensamentos, ações e reações são a decisões que afetarão seu futuro. Sua vida é o resultado das escolhas que você faz.

” Sua vida é o resultado das escolhas que você faz. Se não gosta dela, passe a escolher melhor.

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora